Navigation Menu

Actividades promocionais durante 2009 será a Bienal de Flamenco pela primeira vez para Nova York, Londres, Roma e Tóquio "consolidar na Europa e nos mercados mais distantes", Estados Unidos e Ásia, informou ontem o diretor da Bienal, Domingo González.

13 de fevereiro vai começar a promover no Skirball Theater em Nova York com a noite do show de Sevilha com o pianista Dorantes o Arcanjo e cantora Rosario Toledo. A organização homenageará o cantor Manolo Caracol, por ocasião do centenário de seu nascimento, no Teatro Maestranza em colaboração com a Agência para o desenvolvimento do Flamenco andaluz. Uma das novidades da Bienal é a criação da oficina de produção musical, rótulo de editoração com a ajuda da alta educação em arte e tecnologia, e o resultado será a criação de um disco em que vai haver um tema de cada um dos participantes neste workshop.

Nesta edição, juntamente com o Instituto de cultura e arte da Bienal de Flamenco de Sevilha chegaram a um acordo com o turismo de Sevilha consórcio para o desenvolvimento de ações conjuntas para a promoção da cidade como um destino turístico para "atrair o turismo cultural como a principal indústria da cidade", disse o Presidente do consórcio, Rosamar Prieto-Castro.